sábado, 11 de Outubro de 2014

OLLEM - TURISMO FLUVIAL





A empresa Ollem - Turismo Fluvial nasceu em 2005 
com a necessidade de
divulgar a beleza natural e desconhecida, 
juntamente com as gentes e tradições,
do rio Tejo (Riba-Tejo).

Para tal divulgação iniciou o projecto 
com a compra de um barco. 

É uma embarcação típica do rio Tejo que levava, 
nos seus dias de trabalho árduo, 
pescado da barra para as lotas no interior do rio. 

Esta embarcação foi completamente restaurada 
e adaptada para passeios turísticos. 

Aconteceu que fui na empresa OLLEM 
fazer um maravilhoso passeio pelo rio Tejo e adorei...



A Ollem oferece 3 cruzeiros distintos:

Eu fiz a "Rota dos Avieiros"
...

Visitamos aldeias Avieiras, 
candidatas a património Nacional, 
(Palhota e Escaroupim),
construídas pelos Avieiros, 
assim chamados porque migraram da praia 
de Vieira de Leiria no princípio do sec. xx para o rio Tejo.





...

imagem de "Escaroupim" - casinhas bem coloridas



segunda-feira, 6 de Outubro de 2014

ÁFRICA - REGRESSO ÀS ORIGENS





Às vezes, só às vezes, 
por um breve segundo interrompido nas horas repetidas que
nos cercam, surpreendemo-nos pequenos, num despojo de fim de dia 
que reconhece o sentido nas razões do caminhar. 
E a essência que era oculta perde a força de segredo. 
E surge, brilho ante nós, mesmo ali, desse longe enfim chegado, 
a cada sopro de brisa, cada árvore milenar, 
a cada montanha altiva com picos feitos de céu, 
e o que mais nos acompanha, passagem que somos...




Paramos então a pressa, na ânsia de receber o que antes nem nos tocou, 
e respiramos completos a coragem de ser vida: 
do sol tão bravo de si que nos fustiga de luz 
e larga por fim a lágrima que chora um olhar feliz... na explosão de cor!

ÁFRICA 
regresso às origens...
Adorei fotografar estes e outros modelos 
que tentaram transportar-me até à minha terra - Moçambique


segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

TARDE DO FOGAREIRO - MOITA 2014


A tradicional Tarde do Fogareiro  
decorreu no dia 19 de Setembro, a partir das 13:00h, 
na Avenida Dr. Teófilo Braga, na Moita, 
integrada no programa da 
Festa em Honra da Nossa Senhora da Boa Viagem.



Na principal avenida da vila da Moita, são colocadas mesas e cadeiras, 
seguidas dos indispensáveis fogareiros, 
com as brasas acesas prontas para grelhar os petiscos. 
Não falta nada! Há comida e bebida com fartura.
Com a chegada do fado vadio, este ano com o fadista Mariano João, 
acompanhado pelo conjunto de guitarras de Sidónio Pereira. 
O famoso huga-huga” apaixona toda a gente!
É o mais famoso almoço dos festejos populares, 
que se prolonga pela tarde fora. 






Foi assim a Tarde do Fogareiro, 
durante a qual se assiste à maior concentração de gentes da Moita, 
seus amigos e familiares, 
num local único de convívio e animação.

Este ano também fui... !

depois de bem bebidos e bem comidos 

acontecem brincadeiras entre os conhecidos, para animar a festa




Há varandas e janelas enfeitadas

Há pessoas de todas as idades

Há uma fanfarra que vai tocando todas as modinhas

Há pessoas a dar um pezinho de dança 

Acima de tudo, há ALEGRIA para esquecer as desgraças do dia-a-dia...





sexta-feira, 5 de Setembro de 2014

QUINTINHA DO ZOO


Desde o início das férias que estava prometida uma visita ao Jardim Zoológico de Lisboa...o dia chegou! 

Começamos o nosso passeio pela "Quintinha"
Atração onde se estimula o contacto direto entre as crianças e os animais domésticos mais comuns nas propriedades rurais. 
Inclui uma horta com espécies vegetais que as crianças podem facilmente identificar.

Vimos vários legumes que utilizamos nas sopas e saladas, bem como algumas árvores de fruto. 
A minha neta aprendeu algo novo, pois foi uma surpresa ver que a melancia vem de uma árvore rasteira e não de árvores como a macieira e o pessegueiro, como lá viu.

Depois chegamos à área dos animais, que qualquer criança tanto adora!





Qual a criança que não adora póneis? 

Um coelho branquinho a roer a sua cenoura?

Que maravilha esta cabra-anã que fazia diabruras e as crianças deliravam de euforia!

 O meu neto ficou apaixonado pela vaquinha, fez-lhe festas na cabeça, 
ela era muito mansinha...

e, a porquinha que encostou-se às tábuas, 
abriu as suas pernocas e fez o seu xi-xi ali à frente de todos...




A minha neta levou um bloquinho e uma caneta na sua malinha e ia escrevendo o nome de todos os animais por onde passávamos, 
além de, na outra mão levar a máquina fotográfica que a Avó empresta, sempre que vamos fazer um passeio em conjunto. 

Lá vem os carrinhos do teleférico que nunca param, nem para entrar, nem para sair...toca a saltar lá para dentro e aproveitar ao máximo as vistas lá de cima...



Teleférico - esta atração permite sobrevoar o Zoo durante cerca de 20 minutos. 
É uma viagem emocionante que proporciona uma surpreendente panorâmica do Jardim Zoológico. 

O meu neto fez 3 viagens de teleférico, por ele tinha feito outras tantas, adorou...
Aqui vai a Catarina feliz... (mas, cheia de medo) no teleférico com a Avó!


Para mim, esta é a imagem do paraíso na terra! 

Adoro flamingos e vê-los lá do alto é fabuloso...


segunda-feira, 25 de Agosto de 2014

VERÃO...AZUL...ÁGUA...DIVERSÃO



VERÃO
...
VERÃO
...
AZUL - ÁGUA - DIVERSÃO




Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, 
ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.
(William Shakespeare)



Este ano foi diferente
há cerca de 6 anos que deixei de ir à praia
de viver o Verão, apanhar Sol, relaxar na toalha
...e, continuo a não poder fazer isso!
...
Mas, aprendi a desfrutar do Verão
captando momentos de alegria e descontração
das crianças, 
de quem gosta de mergulhar
de quem gosta de se bronzear
de quem gosta de se divertir



qual é a cidade de Portugal 
que no Verão, não tem o seu combóio turístico?
este captei-o em Vilamoura
...
todos eles com um belo colorido
levam as pessoas a percorrer
os lugares mais importantes de cada terra


Assim, vou decorando a minha alma!
...
Sempre que posso usufruo do carinho 
e de bons momentos na companhia dos meus netos!
...
Haverá melhor coisa na Vida?