domingo, 9 de novembro de 2008

Mercado do Bolhão

"A alma do Bolhão"





Não resisto a deixar-vos as últimas imagens sobre o «Mercado do Bolhão».
Peço desculpa pela insistência, mas acho que é tão genuíno e tipicamente nortenho este mercado.
Não pode faltar os vegetais, as hortaliças, as roupas e os peixes.

Uns deliciosos "filetes de sardinha" bem fresquinhos


E...um "carrinho de mão" bem antigo, a descansar para a próxima jornada...

Até sempre, PORTO!!!

35 comentários:

heretico disse...

o que é genuíno é bom...

beijo

Multiolhares disse...

E fazes muito bem insistir
beijos

mundo azul disse...

Adoro esses mercados onde você acha de tudo!

Beijos de luz e uma semana muito feliz, amiga!!!

Espero que seu mal estar passe logo e você fique muito bem!

Duarte disse...

Umas sardinhas e uns carapaus, que bom! Aqui não encontro nada que se lhe pareça e quando vou aí desforro-me...

Continua que ainda não me cansei!

Um grande abraço de agradecimento por ter-me trazido a casa o Bolhão e com ele o meu Porto.

Betty Branco Martins disse...

.querida Túlipa





______uma verdadeira maravilha!!!



lindos os teus posts:)








beijO___C_____carinhO
bSemana

Osvaldo disse...

Olá Tulipa;
Lindissima e mesmo emocionante esta sequência de fotos sobre o Mercado do Bolhão, suas histórias, seu dia-a-dia, sua gente e retratos de vida de um mundo que começa a se fazer raro no mundo da "Selva" dos grandes centros comerciais...
O Mercado do Bolhão deveria ser considerado pelo IPPAR como Monumento Nacional e ser obrigação da autarquia portuense a sua manutensão e conservação constante porque este lugar tem tanta alma como alma tem o povo "tripeiro".
Obrigado amiga Tulipa por nos reavivar a memória sobre um lugar que faz parte da memória do Porto.
bjs

Rafeiro Perfumado disse...

Ai se a ASAE põe os olhos nestas fotos... ;)

vida de vidro disse...

Que belas fotos a trazerem-nos a cor e os aramas do Bolhão! **

Paradoxos disse...

uma viagem - pela imagem!!

5 estrelas



Eduardo

Pierrot disse...

Saudades do antigo bolhão
Gostei de o sentir
Bjos daqui
Pierrot

gotadevidro disse...

Tão famoso este mercado.....

Beijo

Alexandre disse...

Fizeste uma reportagem completa - tens fotos para participar em qualquer concurso de fotografia!!!

Muitos beijinhos!!!

Agulheta disse...

Tulipa. Agradeço as imagens que fazem parte da minha memória,o Bolhão faz parte da alma da Cidade do Porto.Agradeço a visita,se for gripe tenta curar,quanto a outros males que a net nos dá... bem, passamos ao lado e adeus? percebes.
Beijinho e melhoras

Vieira Calado disse...

Olá, amiga!

Olhe, lá diz o povo:

"Abifa-te, abafa-te e avinha-te!"

Essa coisa da gripe, ou simples constipação, é muito aborrecida e mesmo incapacitante.
Aqui há uns dois anos apanhei cá uma...
"Obrigaram-me" a ir ao médico, contra minha vontade.
Receitou-me quase a farmácia inteira.
Tomei um dos comprimidos e... ia morrendo!
Atirei tudo pela janela fora e socorri-me do velho

"Abifa-te, abafa-te e avinha-te!"

Claro que não lhe estou a receitar nada.

Apenas posso desejar que já tenha passado.

;)

Quanto ao livro, quando souber mais alguma coisa, digo.

Mas, desde já, muito obrigado, pelo seu interesse.

Beijinhosss

O Profeta disse...

Cá está um sitio onde nunca estive...

Doce beijo

GarçaReal disse...

Conheço bem este mercado...

bjgrande do Lago

poetaeusou . . . disse...

*
ainda há compradores ?
,
conchinhas,
,
*

Tozé Franco disse...

OLá Tulipa.
Viva o mercado do Bolhão,um dos sítios mais emblemáticos da cidade do Porto.
Um abraço.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, bela reportagem...Espectacular...
Beijos

São disse...

Nunca tive oportunidade de visitar este mercado...e se eu gosto de mercados!
Espero que já te encontres bem!!

TINTA PERMANENTE disse...

O Mercado do Bolhão, é, de facto... até sempre!
Belas são as imagens!

Abraços!


p.s. - e as melhoras!...

aflores disse...

Olha o "meu Bolhão" :):) Ainda hoje passei por lá;)

Pena que queiram acabar com ele, mas os comerciantes e a população em geral, acho que estão atentos. Vamos ver...vai ser difícil.

Juani lopes disse...

yo este fin de semana tambien estuve de mercado, se hace en la calle y lo pase como un niño con su juguete preferido
me encantan los mercados y por tus fotografias este es muy chulo
saluditos

Menina do Rio disse...

Eu gosto de passear por mercados de variedades...

Um beijo

Gata Verde disse...

Olá amiga! Então, ficaste perdida no meio de tanta cor e agitação?

Beijocas

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Tulipa, por onde andas ?
Tudo bem contigo ? Espero que sim!
Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

Å®t Øf £övë disse...

Tulipa,
Para mim a verdadeira alma do bolhão está nas suas gentes.
Bjs.

São disse...

Boa semana.

Deusa Odoyá disse...

Parabens...
Por esse mercado e suas imagens.
è tão bom ,podermos contar com mercados assim.
Uma semana de muita iluminação.
Beijos.

regina Coeli.

O Profeta disse...

Esta carícia de fresca brisa
Transporta a beleza de Oriente
Uma voz doce cede ao silêncio
Esta aurora acorda finalmente

A sombra perdeu-se na luz
Escuto o pranto e o riso na bruma
Palavras fugindo ao sentido
Lembranças perdidas na espuma



Bom domingo



Mágico beijo

Betty Branco Martins disse...

.querida_________Túlipa





um grande________beijO

carinhO______e



uma.boa.semana

Maria, Simplesmente disse...

Belas e apetitosas fotografias! Tenho de ir ao Porto fotografar.
Obrigada o seu comentário, acredite que, só fotografo porque sinto. Daí talvez fotografar a maior parte das vezes, embora de técnica nada saiba, sem me lembrar que ela existe.
Só que naquela fotografia fotografei o "óbvio" e devo fotografar o "menos óbvio".
Agora quando fizer uma fotografia tenho de andar à procura do "menos óbvio".
Um abraço
Maria

Verónica disse...

Não conheço mas gostei do que vi.
Beijinhos

Marlene Maravilha disse...

Acredites que amo mercados públicos!
Parecem quadros pintados, e para mim as hortalicas, legumes e verduras fazem parte de uma arte suigeneris! Lindo post!
Um lindo final de semana!
beijos

Teófilo M. disse...

Ah! aquelas sardinhas, dariam uns ricos pastelões, com arroz de feijão vermelho malandrinho a acompanhar e para beber um verde branco meio-seco...