sábado, 8 de fevereiro de 2014

VERÃO 2013 uma AVENTURA



CAMINHAR...
Às vezes, só às vezes, 
por um breve segundo interrompido nas horas repetidas 
que nos cercam, 
surpreendemos-nos pequenos, 
num despojo de fim de dia que reconhece
o sentido nas razões do caminhar. 

CAMINHAR pela RUA AUGUSTA é um prazer acrescido. 

Foi o que fiz no Verão passado!

Passar junto ao MUDE 

e subir ao cimo do ARCO da RUA AUGUSTA 

para ver os barcos no rio Tejo, em direção à Margem Sul...




Verão - tempo livre para os netos 

cumpri uma promessa, de os levar ao CRISTO-REI 

e lá do alto apreciar as vistas sobre a ponte, o rio e LISBOA 

foi uma loucura, eles adoraram 

outra promessa - levá-los a comer um hamburger especial, 

onde já tinha levado o Pai deles, há muitos anos...

como é bom poder apreciar as coisas boas da vida.






CAMINHAR pelo interior do País 

fazer férias em Turismo Rural 

(como mostra a imagem abaixo) 

perder-me numa casa de xisto, em ALDEIA das DEZ, 

na imagem a porta do quarto onde fiquei com a minha neta, 

a seguir visitamos uma praia fluvial, 

foram só boas descobertas, 

numa AVENTURA sem igual.






15 comentários:

tulipa disse...


E a cada passo que dou
uma nova surpresa.

Ando encontrando coisas lindas
pelo caminho...

E há quem chame isso de sorte ou de destino.

lino disse...

Belas imagens!
Beijinho

Jorge Lopes disse...

Obrigado pela atenção. Muito apetecíveis as imagens! Um bom fim de semana e um abraço!

aflores disse...

Até apetece dizer: «Verão, volta depressa!»

Tudo de bom.

;)

:)

Grato pela partilha.

Crocheteando...momentos! disse...

Belos momentos...perfeitos no tempo...no espaço e na companhia!
Excelentes propostas para fazer o mesmo! Tudo de bom!

Nilson Barcelli disse...

Belas caminhadas...
Gostei das tuas fotos.
Tulipa, tem um bom resto de domingo e uma boa semana.
Desejo as tuas melhoras o mais rápido possível.
Beijos.

Maria Rodrigues disse...

Ester adorei hoje caminhar aqui consigo, foi um passeio encantador. Os seus netos são lindos, então o menino tem ums olhos maravilhosos.
Bom restinho de domingo
Beijinhos
Maria

looking4good disse...

Em 2013 também estive uns dias em turismo rural na Aldeia das Dez, visitei Piodão e mais umas maravilhas do interior. Quanto a paseear a pé na Rua Augusta há uns tempos que já não o faço. Agora é só interiores de ... escritórios (e nem me posso queixar face ao invernoso tempo que 2014 nos quer proporcionar ininterruptamente. Hoje, 11 de fevereiro, é dia de «Túlipas» lá no blog ahahahah. Uma boa semana cheia de flores, sorrisos e poesia :)

Zé Povinho disse...

Tudo sítios apetecíveis, ainda que com melhor tempo do que aquele que agora temos.
Abraço do Zé

. intemporal . disse...

.

.

. cantos e recantos desta nossa Lisboa . deste nosso Portugal . afinal sempre tão nosso . e para sempre tatuado sob a escassez da pele . até ao dia em que voltemos a sorrir . em plena liberdade .

.

. viajo esta semana e despeço.me por agora de Si . regressarei em meados de março . com muitas estórias para contar . ;) .

.

. desejo que se mantenha animada . com objectivos . sem desanimar . porque um dia . tudo se há de recompor . acredite nisso .

.

. querida amiga minha . deixo.Lhe um grande beijinho e este . até já .

.

.

ANTONIO MANUEL FONTES CAMBETA disse...

Estimada Amiga e Ilustre Fotografa,
Adorei, como sempre, ainda não se podia subir ao arco da Rua Augusta pela última vez que estive em Lisboa.
Como sempre fotos lindíssimas que muito admiro.
Abraço amigo

Lilá(s) disse...

Belas passeatas e aventuras, da minha amiga inseparável da sua máquina fotográfica.
Bjs

Ana Simões disse...

Lindos momentos!! tal dizes.. cada passo que dás é viver!! ^Não creio ser sorte nem destino, mas a tua vontade que te leva a fazer coisas tão simples e tão belas. Que bonito quando se consegue momentos felizes comas coisas mais pequenas da vida... lindo!!!! E lindas as fotos como sempre. beijinho

Ailime disse...

Ò Túlipa, que recantos maravilhosos e excelentes fotos! Adorei conhecer o seu neto;))! Lindo. Beijinhos, Ailime

Manuel Luis disse...

Por pouco que nos cruzava-mos! Não precisamos andar muito para encontras estes fantásticos destinos.
Bj