segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

CIDADELA DE CASCAIS


A Cidadela de Cascais localiza-se na Vila, Freguesia e Concelho de mesmo nome
Na margem direita do rio Tejo, trata-se de um complexo fortificado que 
compreende ainda:o Forte de Nossa Senhora da Luz de Cascais 
e a Torre de Santo António de Cascais.
O conjunto tinha a função de defesa daquele trecho da costa, acesso à capital, Lisboa.
O conjunto da Cidadela de Cascais, incluindo o Forte de Nossa Senhora da Luz, 
a Torre de Santo António de Cascais, e toda a parte fortificada que está compreendida 
entre a Ponta do Salmodo e o Clube Naval de Cascais, encontra-se classificado como 
Imóvel de Interesse Público através do Decreto nº 129/77 de 29 de Setembro de 1977.
A 18 de Março de 2012 aconteceu a abertura de uma unidade hoteleira 
com 126 quartos, restaurante, espaço de música, lojas 
e espaço para eventos denominada de "Pousada Cascais". 
Este investimento foi feito pelo Grupo Pestana


Cidadela de Cascais: aspecto da Praça de Armas com a Pousada Cascais
Dia 08 de Março de 2014 foi inaugurado o "Cidadela Art District", 
um centro de exposição de arte ao ar livre, com galerias culturais 
e estúdios abertos para artistas trabalharem perante os visitantes. 
O "Cidadela Art District" é uma iniciativa do Grupo Pestana, 
gestor da Pousada de Cascais, localizada na fortaleza da Cidadela. 
O Cidadela Art District inclui seis galerias culturais, entre as quais 
a primeira galeria Raw Art em Portugal, 
e seis "open studios", onde os artistas poderão ser vistos a trabalhar.
A Pousada de Cascais muda também de nome passando a ter 
uma nova designação: "Pousada Cascais - Cidadela Historic Hotel & Art District".


Já fora da fortaleza da Cidadela encontrei D. Diogo de Meneses




Acima, vários aspectos da área envolvente...

mais ao longe consegui captar outras imagens, como o Hotel Baía, 

na maravilhosa Baía de Cascais




Um dia lindo, céu azul e aconchegado por um sol bem quente, 
quem diria que estava no Inverno - 24 de Janeiro de 2015...

Mais caloroso seria o reencontro com uma amiga dos "velhos tempos" 
que me recebeu neste espaço simpático e cheio de luz



a cereja no topo do bolo foi ter à minha espera, a "bebinca"!!!

Obrigado Amiga!  

Melhor era impossível...


Deliciei-me com esta fatia de bebinca! 

A bebinca é um doce tradional indiano e deve ficar mais parecida 
com um pudim do que com um bolo, como tal deve levar menos farinha 
e cada camada demora meia hora a fazer. 

Adoro a combinação do leite de coco com o cardamomo, 

dá-lhe um sabor exótico e diferente.

A bebinca é um bolo que nos chega de Goa, o famoso bolo das sete camadas. 

...mais "Momentos Perfeitos" na minha vida!

14 comentários:

tulipa disse...


Quem prova Bebinca não lhe fica indiferente.
No entanto, não é um doce fácil de fazer, requer alguma perícia e prática para ficar bem feita.

O segredo está na cozedura das diversas camadas cuja consistência poderá ficar um pouco “aborrachada” se não for correctamente executada.

Nada que a insistência e um pouco de prática não resolvam.
Para quem se inicia na Bebinca, aconselho a fazer metade da receita para experimentar e ir aprimorando o ponto de cozedura.

Refiro mais uma vez que esta é uma receita maravilhosa, originária de Goa, habitual em altura de Festas!

tulipa disse...


6 cardamomos
350 grs de açúcar
400 ml leite de coco
300 grs de farinha
manteiga q.b.
10 gemas

Misture as gemas com o açúcar e bata muito bem até que o volume duplique.
Acrescente o leite de coco e os cardamomos moídos e bata novamente. Adicione em seguida a farinha e envolva até ficar tudo ligado.
Barre uma forma redonda e sem buraco generosamente com manteiga.

Crocheteando...momentos! disse...

Momentos perfeitos...sem dúvida!
Que dia! Bj amigo

lino disse...

Tantas vezes passei por aquela porta de armas, há 45 anos!
Beijinho

Sofá Amarelo disse...

Parece incrível mas conheço muito mal Cascais, as poucas vezes que lá tenho ido é sempre em trabalho e com destino certo... conheço, no entanto, a baixa, a Câmara (quando entrevistei o actual Presidente da Câmara, Carlos Carreiras, que na altura era o nº 2), o Museu da Paula Rego e pouco mais.
Mas com essa bebinca à base de coco está dado o mote para eu ir a cascais muitas vezes...

DE-PROPOSITO disse...

Gosto de 'viajar' olhando as fotos. Belezas aqui tão perto, que nunca apreciei. É a vida.

Felicidades
Manuel

Andradarte disse...

Não há duvida que faz a sua vida cheia de momentos perfeitos....Não sou muito de viajar....mas gosto...
Beijo

rendadebilros disse...

Olá! Como viu, voltei ao blogue que esteve "adormecido" por razões várias. Vejo que os Momentos Perfeitos continuam lindos! Beijinhos!

Manuel Luis disse...

Não conheço bem mas gosto desse canto da história.
Um dia em cheio com esse grupo.
Continuas linda.
Bj

. intemporal . disse...

.

.

. conheço claramente este local e enalteço a Sua escolha . para mim . Cascais é um misto de beleza mas também propulsor de algum ócio . porque só a posso visitar . nas vésperas de cada semana de trabalho . o que me deixa sempre um nó na garganta . :) .

.

. no verão . em tempo de férias . é sim um lugar que se deve aproveitar como um todo . até porque o é .

.

. um grande beijinho .

.

.

. intemporal . disse...

.

.

. que inveja tenho de Si neste momento . :) . a bebinca tem um aspecto suculento e saboroso . e logo eu . que não nada guloso . :) .

.

. e sendo indiano . só pode ser um espanto .

.

. hoje vou . babado daqui . :) .

.

.

Vieira Calado disse...

Olá, boa noite!
Como tem passado?
Creio que em tempos fez uma exposição das fotografias que vai colhendo. Ou estarei a confundir?
De qualquer maneira, tem, para o efeito, muito e bom, por onde escolher.

Se houver desses bolos que mostra, não se esqueça de me convidar.
Aproveito: Vejo as fotos e como os bolos! rs rs rs

Beijinho para si!


Existe Sempre Um Lugar disse...

Bom dia, belas fotos de bons momentos melhorados com o sabor do bebinca, nunca provei mas fiquei com toda a vontade de provar.
AG

DE-PROPOSITO disse...

Estive por aqui.
E, fiquei sonhando.

Felicidades
MANUEL